Soft skills, liderança e resultados

Já ouviu falar de Soft Skills? Sabe dizer a importância de vivenciar isso para sua carreira como líder? Como trabalhar os Soft Skills de um funcionário que tem qualidade no trabalho, mas não sabe ouvir feedback ou lidar com os demais membros da equipe?

Liderança favorável e soft skills

Soft Skills, nada mais é que a capacidade relacionada às competências pessoais que permite ao funcionário ter uma melhor interação com as pessoas e atividades. São várias as situações difíceis que os líderes encontram no dia a dia, mas é preciso se fortalecer de experiência, conhecimentos e ferramentas, para realizar a melhor abordagem no gerenciamento de pessoas, conduzindo a equipe rumo ao sucesso.

Como gestor, seu papel é guiar os subordinados para conseguirem realizar as suas tarefas com qualidade e, também, conseguir manter um bom clima de dentro da equipe. Mostre o caminho e esteja sempre pronto para o diálogo.

Desenvolva uma abordagem positiva, apontando de forma bem específica qual trabalho determinado funcionário deve realizar, o que ele precisa mudar, além de destacar a importância das boas relações com os demais membros da equipe e a necessidade de apoiar novas ideias.

Demonstrar acessibilidade para dar e receber feedback é extremamente importante. O líder deve dar o exemplo, por isso, cuide para que seu comportamento seja fonte de motivação para seus liderados.

Conduta ideal para gestores
Não existe formula mágica para ser um bom gestor, mas existe comprometimento que é conduta ideal. Comportamentos favoráveis e soft skills ajudam, e muito, no relacionamento com a equipe e, também, no alcance de resultados. Veja algumas sugestões:

  • Seja justo, dê a mesma tratativa para todos. Nada de favorecer determinados membros.
  • Após um feedback, acompanhe os resultados e, caso perceba alguma melhora no comportamento do profissional, ou até mesmo dificuldade em mudar, esteja pronto para fazer um novo apontamento em relação a sua conduta.
  • Seja transparente com seus funcionários. Isso não significar que você deve falar tudo. Ter postura ética sobre o que deve ser falado e como deve ser falado é importante.
  • Preocupe-se em desenvolver habilidades essenciais para gerenciamento de pessoas.
  • Estabeleça sua autoridade, faça correções na sua postura, quando necessário, e aprenda a delegar.
  • Observe seu comportamento e esteja pronto para ouvir o feedback dos seus funcionários.
  • Saiba dizer não, só os gerentes ineficazes dizem sim para tudo. É importante ouvir e acompanhar a forma como as atividades estão sendo conduzidas. Direcione seus funcionários para obterem melhor gestão de tempo e de uso dos recursos.
  • Estabeleça limites, por isso, cuidado ao desenvolver amizade com seus liderados. Às vezes, ao quebrar essa regra, você pode ter dificuldade para dar um feedback complicado, delegar um trabalho indesejável, ou manter o senso de justiça em momentos de conflitos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s